quarta-feira, 25 de agosto de 2010

O ar muito seco é prejudicial à saúde.


O que fazer para aliviar os efeitos do ar seco?
Aqui estão algumas dicas.
  • Beba mais água do que o normal, ou outros líquidos não alcoólicos
  • Molhe a boca e narinas com água, ou soro fisiológico várias vezes durante o dia ( a parte interna das narinas pode ficar muito ressecada e o esforço de assoar o nariz pode causar o rompimento dos delicados vasos sanguíneos, o que gera sangramento)
  • Em lugares onde não chove há muitos dias, o ar tende a ficar empoeirado, com partículas muito grandes para as vias respiratórias do corpo humano. Assim, estas partículas podem causar irritação na garganta, uma tosse seca. Beba mais água!
  • Atenção com os olhos porque também tendem a ficar ressecados. Molhe-os com água ou use colírios adequados.
  • Evite fazer esforços físicos prolongados. Se expor ao sol forte, com poucas nuvens. O excesso de luz solar gera a formação de ozônio na camada de ar que respiramos. Nesta situação, o ozônio vira um poluente e um dos efeitos é a ardência nos olhos.
  • Evite exposição ao sol entre as 11:00h e as 16:00h
  • Atenção especial com as crianças e pessoas idosas, não apenas com a situação de ar muito seco, mas com o calor e o sol em excesso.
  • Evite ambientes com ar-condicionado, que diminui a umidade do ar.
  • O uso de aparelhos umidificadores dentro de casa também aumenta os níveis de umidade no ambiente, deixando-os em padrões confortáveis para a saúde humana.
  • Panos molhados nos cantos do ambiente interno ou bacias com água ajudam a aumentar a umidade do ar.
  • O uso de cremes hidratantes no corpo ajuda a renovar a umidade da pele que também tende a ficar ressecada na situação de índices de umidade do ar muito baixos.

Nenhum comentário: